Connect with us

Amazonas

Amazonas registra 336 novos casos de tuberculose nos dois primeiros meses deste ano, segundo FVS

Publicado

em

Tosse é um dos principais sintomas da doença. — Foto: Foto: Paulo Dutra/G1 AM

Levantamento mostra também aumento de 4,6% no número de casos da doença.

O Amazonas registrou nos dois primeiros meses deste ano 336 casos novos de tuberculose, de acordo com a Fundação de Vigilância em Saúde (FVS). Deste total, 234 foram em Manaus. O levantamento mostrou também um aumento de 4,6% nos casos da doença, sendo registrados 3.154 em 2018 e 3.302 em 2019, no Amazonas.

Segundo a coordenadora do Programa Estadual de Controle da Tuberculose (Pect), Marlucia Garrido, após o diagnóstico de tuberculose, é fundamental que o paciente faça o tratamento corretamente. Além disso, Garrido disse também que o preconceito ainda é um obstáculo.

“É muito mais difícil vencer a tuberculose se a pessoa não tomar a medicação, se a família não colaborar e não der apoio, se a sociedade discriminar os pacientes e se não houver apoio dos profissionais e gestores de saúde”, disse.

Ainda segundo ela, estes fatores têm contribuído para o aumento na detecção de casos e aumento do número de casos da doença.

Para a diretora-presidente da FVS-AM, Rosemary Costa Pinto, a informação é a principal forma de combater a doença.

“A melhor forma de combater a tuberculose é com informação e diagnóstico precoce, por isso o Programa Estadual de Combate à Tuberculose intensifica em março as ações com intensa atividade de capacitação técnica no interior do Amazonas”, comentou a diretora.

Sintomas e Tratamento

O principal sintoma da tuberculose pulmonar é a tosse na forma seca ou produtiva. Por isso, recomenda-se que todo sintomático respiratório, que é a pessoa com tosse por três semanas ou mais, seja investigada para tuberculose.

Há outros sinais e sintomas que podem estar presentes, como febre baixa no fim da tarde, sudorese noturna, emagrecimento e cansaço/fadiga. A tuberculose também pode se manifestar em outros órgãos (tuberculose extrapulmonar).

O tratamento da tuberculose dura, no mínimo, seis meses, é gratuito e disponibilizado no Sistema Único de Saúde (SUS). Todas as pessoas que seguem o tratamento corretamente ficam curadas da doença.

Impacto

De acordo com o Ministério da Saúde, entre as doenças infecciosas, a tuberculose é uma das dez principais causas de morte no mundo, a principal causa de morte entre as pessoas com HIV e uma das principais causas de morte relacionadas à resistência antimicrobiana.

Ainda de acordo com os dados, o Brasil é um dos 30 países com maior carga de tuberculose no mundo, e o Amazonas apresenta a maior taxa de incidência da doença no país, com 72,9 casos por 100 mil habitantes em 2018. Todos os municípios do Amazonas têm casos registrados da doença.

Dia mundial de Combate à Tuberculose

Em alusão ao Dia Mundial de Combate à Tuberculose, que acontece no dia 24 de março, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) lança, nesta sexta-feira (6), na Avenida Eduardo Ribeiro, Centro de Manaus, a campanha “É hora de vencer a tuberculose no Amazonas”, com uma programação de ações de alerta e luta contra a doença.

A campanha busca aumentar a conscientização sobre os efeitos da tuberculose e como a doença pode ser interrompida se tratada em tempo oportuno e adequadamente.

Programação

Entre os dias 9 e 13 de março, será realizada Exposição de Tuberculose (EXPOTB) e atualização em diagnóstico e tratamento da tuberculose no município de Itacoatiara (a 176 km de Manaus). No dia 20 de março, será realizada uma assembleia do Comitê Estadual de Tuberculose na Policlínica Cardoso Fontes, no Centro de Manaus.

A programação inclui também uma missa em memória das vítimas de tuberculose, no dia 23 de março, às 18h, na Paróquia São Sebastião, no Centro da capital. No dia 24, serão realizadas palestras durante todo o dia no Centro de Convivência Estadual do Idoso de Aparecida, na zona sul de Manaus. Em 26 de março, vai ocorrer o I Encontro sobre Tuberculose nas escolas estaduais. No dia 27 de março, será realizada uma videoconferência para todos os municípios do Amazonas sobre a campanha.

Ainda na última semana do mês, dos dias 23 a 27, será intensificada a socialização de informações sobre a doença nos meios de comunicação, salas de espera, escolas, busca ativa de casos na comunidade e serviços de saúde, além da realização de exames em todos os municípios do Amazonas.

Leia Mais
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 + 1 =

Amazonas

Protocolo contra a Covid-19 desenvolvido pelo Grupo Samel é utilizado com sucesso no Paraguai; veja vídeo

Publicado

em

O presidente do grupo Samel, Luis Alberto Nicolau, vem informar que os estudos do uso da proxalutamida, para tratamento de pacientes acometidos pela Covid-19, se estenderam e colaboramos com o Hospital Barrio Obreiro, em Assunção, capital do Paraguai, no último mês, ao realizar o teste com fármaco em 25 pacientes, muitos em estado grave.

A nossa expectativa com o uso do medicamento foi bastante satisfatória frente aos resultados positivos que já obtemos não só aqui em Manaus, mas também no Paraguai e no mundo. O uso emergencial do fármaco já está em demais continentes, como a África e na região da Índia, que já se preparam para os testes com a droga.

Temos a certeza que este é um método ideal para o tratamento da Covid para, assim, termos mais vidas salvas. Nosso compromisso com a saúde, a ciência e a vida se fortalece a cada avanço que damos neste intenso combate!

Veja vídeo:

Fonte: Portal CM7

Leia Mais

Amazonas

Mais 221 e 5 mortes por Covid-19, são registradas no Amazonas

Publicado

em

Amazonas – O estado registrou mais cinco mortes por Covid -19, neste domingo (4), sendo duas ocorridas nas últimas 24 horas e três registradas em dias anteriores, porém confirmadas agora. O total de vidas perdidas para essa doença desde o início da pandemia subiu para 13.342 no estado.

Foram confirmados 221 novos casos da doença, o que totaliza 404.045 registros no estado, segundo o boletim da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM).

Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 383 pacientes internados em Manaus, sendo 197 em leitos clínicos (34 na rede privada e 163 na rede pública), 185 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (36 na rede privada e 149 na rede pública) e um em sala vermelha na rede pública.

Há, ainda, outros 35 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 29 estão em leitos clínicos (sete na rede privada e 22 na rede pública) e seis estão em UTI na rede pública.

No boletim consta, também, que há outros 45 pacientes internados com Covid-19 na rede pública de saúde do interior do estado, conforme informado pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM). São três em Unidade de Cuidados Intensivos (UCI) e 42 em leitos clínicos.

Dos 404.045 casos confirmados no Amazonas até este domingo, 188.364 são de Manaus (46,62%) e 215.681 do interior do Estado (53,38%).

Entre as vítimas em Manaus, há o registro de 9.177 óbitos confirmados em decorrência de Covid-19. Todos os municípios têm óbitos confirmados, totalizando 4.165 no interior.

O boletim diário é construído com as informações disponibilizadas diariamente pelas prefeituras municipais, todos os dias da semana, incluindo fins de semana e feriados. Ao todo, cinco municípios não atualizaram o sistema de informação para consolidação dos dados do boletim. São eles: Amaturá, Apuí, Atalaia do Norte, Silves e Tapauá.

Leia Mais

Amazonas

Assaltantes armados perseguem trabalhador no bairro do Alvorada

Publicado

em

Onda de assaltos preocupam moradores de Manaus. Um vídeo enviado para o Portal Cm7 mostra um jovem sendo perseguido por homem armado no bairro do Alvorada I, zona Centro-Oeste da capital.

Os assaltantes estavam em uma motocicleta XRE 300 e pararam na frente de uma residência, supostamente para realizar furtos, mas é neste momento que o trabalhador passa com uma mochila nas costas pelos criminosos e começa ser perseguido por um dos homens. A vítima corre e os dois ladrões seguem a sua procura.

Não há informações sobre a vítima ou os criminosos.

Leia Mais

Mais lidas