Connect with us

Amazonas

BOMBA! CNMP Pode afastar promotor que pediu prisão do prefeito David Almeida por falta de Ética

Publicado

em

Manaus- A partir da criação de regras e condutas do Ministério Público no CNMP, os membros do Ministério Público precisam tomar mais cuidado com o detalhe do dia- dia e na sua conduta profissional, por exemplo até uma simples publicação na internet pode ocasionar punições, o Conselho Nacional do Ministério Público aprovou, por unanimidade, a Política de Comunicação Social do MP, que traz dispositivos exclusivos sobre o comportamento nas redes sociais dos seus membros.
As postagens pessoais nas redes sociais são de responsabilidade dos proprietários das contas, segundo o texto do CNMP.
O texto, que regulamenta princípios e diretrizes sobre a divulgação de informações pela instituição, determina em seu artigo 9º que membros e servidores do MP devem ser cuidadosos ao publicar informações relacionadas à atuação do órgão nas mídias sociais, principalmente as de caráter sigiloso, que envolvam segurança ou interesse público. O ocorrido no dia 28 onde o promotor, antes de pedir a prisão do prefeito David Almeida (AVANTE) se manifestando explicitamente em suas redes sociais, fere o princípio de ética do CNMP, Conselho Nacional do Ministério Público, e abre um precedente imoral na conduta de um membro da conceituada justiça brasileira. Ao fazer menção do prefeito David e justificando que seu filho poderia morrer e o culpado seria David, o promotor de justiça publio faz e trás confusão para o MPAM e para a sociedade que enfrenta uma pandemia terrível e que não precisa contemplar uma promotor de justiça descontrolado e vingativo nesse momento tão difícil que todos passam. O MPAM após o triste ocorrido, recebeu uma enxurrada de críticas da população e de juristas que desaprovaram a conduta do promotor de justiça em suas redes sociais e também nas suas atribuições, deixando de lado a ração e a lei e rasgando a constituição ( nossa carta Magna) aplicou por motivação pessoal, ( vingança) fez o pedido de prisão preventiva do chefe do poder executivo municipal que a justiça do Amazonas firme e aplicando a lei corretamente desaprovou o ato emotivo do promotor Publio Caio.

Agora além de uma advertência, ele pode ser afastado e também perder o cargo se o conselho nacional do Ministério Público aceitara denúncia que será formalizada por Almeida.

O Conselho Nacional já punil em casos anteriores de abuso de autoridade e quebra de ética alguns representantes do MP que agiram de forma errada, que foram punidos por pouco menos.

Marco Aurélio choy procurador da prefeitura municipal de Manaus (PMM), e seu corpo jurídico vão entrar com denúncia no CNMP para investigar a conduta do promotor.

Entramos em contato com o prefeito David Almeida (AVANTE) que disse estar profundamente indignado, e classificou o caso como abuso de Autoridade.

Amazonas

Estudante morre engasgado enquanto jantava em Manaus

Publicado

em

Um estudante de 21 anos morreu engasgado no fim da noite deste sábado (15), dentro de casa, no bairro Presidente Vargas, em Manaus, enquanto jantava.

A família de Jhonatas Duarte de Souza contou que, horas antes de o caso ocorrer, ele chegou a passear com a filha, uma bebê de nove meses, em uma orla do bairro.

“Ele pediu minha bênção, e disse que ia dormir, mas antes perguntou da mãe dele se tinha algo para comer pois estava com fome. A namorada dele chegou em seguida. A janta foi linguiça com miojo. Não demorou muito, ouvimos gritos. Ele estava jogado no chão, se debruçando”, disse o pai da vítima, João da Silva, jardineiro de 56 anos.

O pai disse que bateram nas costas do jovem para tentar socorrê-lo, mas ele não reagiu. A família chegou a acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

De acordo com o pai, a região da garganta do filho ficou inchada e, horas antes do caso, o estudante reclamou de dor na garganta para a mãe.

João da Silva perdeu o filho mais velho. Ele tem outro filho de 18 anos. Todos moravam na mesma casa.

“Um rapaz jovem, novo, deixou a filha de nove meses … linda a minha neta. Ele vivia com ela, mas, tem que ser o dia [da morte]. A gente fez de tudo que estava ao nosso alcance”, comentou o pai. A vítima ajudava um tio com serviços de metalúrgica.

Leia Mais

Amazonas

Fiscalização flagra motoristas sob efeito de álcool no trânsito em Manaus

Publicado

em

O Núcleo Especializado de Operações de Trânsito (Neot), do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), flagrou quatro motoristas sob efeito de álcool na noite de sexta-feira (14), na avenida Itaúba, na Zona Leste de Manaus. Um homem foi preso após tentar fugir da barreira de fiscalização.

O flagrante ocorreu durante mais uma edição da operação “Pela Vida”, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM).

Durante a ação, agentes conseguiram capturar um motorista que, na fuga para fugir da fiscalização, acabou provocando uma colisão. O motorista, que estava alcoolizado, foi conduzido ao 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Além de alcoolemia, outras irregularidades foram encontradas durante a fiscalização, entre elas a ausência de documentos e equipamentos obrigatórios.

Durante a operação, oito veículos foram removidos ao parqueamento do Detran-AM.

Leia Mais

Amazonas

Quarenta metros cúbicos de madeira ilegal são apreendidos em carreta no interior do Amazonas

Publicado

em

Quarenta metros cúbicos de madeira ilegal foram apreendidos pela polícia no município de Humaitá, distante 590 quilômetros de Manaus, no sábado (15). Segundo a polícia, a madeira ilegal era transportada em uma carreta e o motorista foi detido.

De acordo com o Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb), a polícia fazia uma fiscalização a crimes ambientais na rodovia BR-230, durante a manhã. Por volta de 7h, a carreta passou pelo local e foi abordada pelos policiais.

Os agentes solicitaram o Documento de Origem Florestal (DOF), obrigatório para o transporte deste tipo de material, mas o documento apresentado pelo motorista informava uma quantidade de madeira inferior a que estava no veículo.

A carreta e a madeira foram apreendidas pelo Batalhão Ambiental. O motorista foi detido e levado para a 8ª Delegacia Interativa de Humaitá (DIH) para prestar esclarecimentos.

Leia Mais

Mais lidas