Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Com 55 cidades afetadas pela seca severa, AM decreta emergência e instala gabinete de crise

O Amazonas decretou situação de emergência nesta sexta-feira (29), após 55 municípios do estado serem afetados pela seca severa que atinge os rios da região. O decreto tem duração de 180 dias e pode ser prorrogado.

Para enfrentar a estiagem, o governador Wilson Lima também instalou um gabinete de crise.

Entre as ações emergenciais anunciadas pelo governo do estado para minimizar os efeitos da sseca, estão:

  • a dispensa de licitação de contratos de aquisição de bens necessários para os desastres, incluindo a compra inicial de 50 mil cestas básicas;
  • flexibilização da licença para abertura de novos poços artesianos em áreas afetadas;
  • aquisição e distribuição de kits alimentares para alunos em vulnerabilidade alimentar;
  • amparo a produtores rurais por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA);
  • isenção do valor de R$ 1 do programa Prato Cheio nas cidades em emergência.