Connect with us

Amazonas

Em nota Luiz Alberto Nicolau da Samel, repudia matéria da Crítica

Publicado

em

Neste sábado, o jornal A Crítica noticiou, na capa, que eu doei a quantia de R$ 500 mil para a campanha do meu irmão, Ricardo Nicolau, a prefeito de Manaus. Venho, por meio desta, confirmar que isso é a mais pura verdade. Fiz, sim, a doação, obedecendo a todas as exigências legais, e doarei o quanto mais a legislação brasileira me permitir. Dinheiro fruto de trabalho árduo no setor privado, com origem limpa.

A única candidatura que vou apoiar, investindo recursos dos meus próprios bolsos, sempre de maneira legal, é a do meu irmão Ricardo Nicolau. Ele é o único que tem competência para administrar a cidade de Manaus, assim como tem feito nas organizações da nossa família desde a juventude, passando também pelo Hospital dos Acidentados e pela Sociedade Pró-Saúde.

Posso afirmar que a maior financiadora da candidatura de Ricardo Nicolau será a nossa própria família, porque sei que meu irmão não aceitará receber dinheiro de empreiteiros, de “caixa 2” e tampouco tem interesse em manter contratos com o governo.

Aproveito para fazer o questionamento: por que este mesmo jornal, que publicou a notícia de forma jocosa, não noticiou quando o Grupo Samel doou R$ 1 milhão para abrir a conta bancária da prefeitura de Manaus e, assim, viabilizar a montagem do Hospital de Campanha Gilberto Novaes? E os outros milhões que investimos na transformação de uma escola em hospital em apenas quatro dias?

Por que não noticiaram os mais de R$ 5 milhões que o Grupo Samel investiu para manter o hospital de campanha funcionando por mais de dois meses e para realizar a missão humanitária que levou, gratuitamente, tecnologias e medicamentos de tratamento da Covid-19 para 58 municípios do interior do Amazonas, fretando inclusive dois aviões para isso? Ou quando ajudou na gestão do hospital de campanha de Roraima, a custo zero?

Eu respondo o porquê. Porque ajudar o próximo sem interesses não gera notícia. O Grupo Samel se mantém firme em suas atividades de responsabilidade social e, como já fez em vários estados do Brasil e na Bolívia, está com suas equipes na Colômbia, desde ontem (02/10), disponibilizando a Cápsula Vanessa e demais equipamentos, também sem custos.

Foi esse trabalho que tornou o Grupo referência nacional e internacional no combate ao novo coronavírus, salvando milhares de vidas, ao apostar no método Vanessa como a melhor forma de tratar o paciente, tendo inclusive contrariado tudo o que a Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde recomendavam de modo equivocado no início da pandemia.

Na crise de saúde pública mundial mais grave do século, não seria justo que o Grupo Samel virasse as costas para o povo de Manaus. Por isso, não medimos esforços para retribuir à sociedade tudo o que conseguimos conquistar, com muito suor e dedicação, em mais de 40 anos de um trabalho iniciado pelo nosso patriarca, o médico Dr. Luiz Fernando Nicolau.

O Grupo Samel continua à disposição para salvar vidas dos brasileiros e dos nossos irmãos de qualquer outro país, seja aonde e como for.

LUÍS ALBERTO SALDANHA NICOLAU
Diretor-presidente do Grupo Samel

Manaus, 3 de outubro de 2020.

Amazonas

Protocolo contra a Covid-19 desenvolvido pelo Grupo Samel é utilizado com sucesso no Paraguai; veja vídeo

Publicado

em

O presidente do grupo Samel, Luis Alberto Nicolau, vem informar que os estudos do uso da proxalutamida, para tratamento de pacientes acometidos pela Covid-19, se estenderam e colaboramos com o Hospital Barrio Obreiro, em Assunção, capital do Paraguai, no último mês, ao realizar o teste com fármaco em 25 pacientes, muitos em estado grave.

A nossa expectativa com o uso do medicamento foi bastante satisfatória frente aos resultados positivos que já obtemos não só aqui em Manaus, mas também no Paraguai e no mundo. O uso emergencial do fármaco já está em demais continentes, como a África e na região da Índia, que já se preparam para os testes com a droga.

Temos a certeza que este é um método ideal para o tratamento da Covid para, assim, termos mais vidas salvas. Nosso compromisso com a saúde, a ciência e a vida se fortalece a cada avanço que damos neste intenso combate!

Veja vídeo:

Fonte: Portal CM7

Leia Mais

Amazonas

Mais 221 e 5 mortes por Covid-19, são registradas no Amazonas

Publicado

em

Amazonas – O estado registrou mais cinco mortes por Covid -19, neste domingo (4), sendo duas ocorridas nas últimas 24 horas e três registradas em dias anteriores, porém confirmadas agora. O total de vidas perdidas para essa doença desde o início da pandemia subiu para 13.342 no estado.

Foram confirmados 221 novos casos da doença, o que totaliza 404.045 registros no estado, segundo o boletim da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM).

Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, há 383 pacientes internados em Manaus, sendo 197 em leitos clínicos (34 na rede privada e 163 na rede pública), 185 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (36 na rede privada e 149 na rede pública) e um em sala vermelha na rede pública.

Há, ainda, outros 35 pacientes internados considerados suspeitos e que aguardam a confirmação do diagnóstico. Desses, 29 estão em leitos clínicos (sete na rede privada e 22 na rede pública) e seis estão em UTI na rede pública.

No boletim consta, também, que há outros 45 pacientes internados com Covid-19 na rede pública de saúde do interior do estado, conforme informado pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM). São três em Unidade de Cuidados Intensivos (UCI) e 42 em leitos clínicos.

Dos 404.045 casos confirmados no Amazonas até este domingo, 188.364 são de Manaus (46,62%) e 215.681 do interior do Estado (53,38%).

Entre as vítimas em Manaus, há o registro de 9.177 óbitos confirmados em decorrência de Covid-19. Todos os municípios têm óbitos confirmados, totalizando 4.165 no interior.

O boletim diário é construído com as informações disponibilizadas diariamente pelas prefeituras municipais, todos os dias da semana, incluindo fins de semana e feriados. Ao todo, cinco municípios não atualizaram o sistema de informação para consolidação dos dados do boletim. São eles: Amaturá, Apuí, Atalaia do Norte, Silves e Tapauá.

Leia Mais

Amazonas

Assaltantes armados perseguem trabalhador no bairro do Alvorada

Publicado

em

Onda de assaltos preocupam moradores de Manaus. Um vídeo enviado para o Portal Cm7 mostra um jovem sendo perseguido por homem armado no bairro do Alvorada I, zona Centro-Oeste da capital.

Os assaltantes estavam em uma motocicleta XRE 300 e pararam na frente de uma residência, supostamente para realizar furtos, mas é neste momento que o trabalhador passa com uma mochila nas costas pelos criminosos e começa ser perseguido por um dos homens. A vítima corre e os dois ladrões seguem a sua procura.

Não há informações sobre a vítima ou os criminosos.

Leia Mais

Mais lidas