Univaja contesta PF e diz que ‘Pelado’ e irmão fazem parte de organização criminosa que atua no Vale do Javari

A União dos Povos Indígenas do Vale do Javari (Univaja) contestou uma nota divulgada pela Polícia do Amazonas (PF-AM), na manhã desta sexta-feira (17), a respeito das investigações sobre os assassinatos de Bruno Pereira e Dom Phillips. A entidade destaca Amarildo da Costa Oliveira, o “Pelado”, e o irmão, Oseney da Costa de Oliveira, conhecido como “Dos Santos”, fazem parte de organização criminosa que atua no Vale do Javari, no Amazonas.

Bruno e Dom desapareceram na região, no dia 5 de junho. Os restos mortais dos dois foram encontrados na última quarta-feira (15), após “Pelado” confessar o crime e indicar o local onde os corpos foram ocultados.

Solicitação de contato

Preencha os dados abaixo e em breve um de nossos consultores irá entrar em contato com você oferecendo as melhores oportunidades para anunciar sua marca conosco.