Marcos Rotta pode surgir como vice de Eduardo Braga na disputa pelo Governo do Amazonas

Amazonas – Nesta sexta-feira (05), o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) do Amazonas realizará sua convenção para finalmente anunciar quem irá compor a chapa do senador Eduardo Braga, como vice, na disputa pelo Governo do Amazonas. A convenção do partido acontece no Copacabana Eventos, localizado na Avenida do Turismo. 

Grande parte do eleitorado amazonense espera que o petista João Pedro, que é amigo pessoal do ex-presidiário Luiz Inácio Lula da Silva, seja confirmado como vice do pré-candidato, tendo em vista que publicamente Lula declarou apoio à Braga. No entanto, o tabuleiro político não para de mexer e agora uma nova peça surgiu: o vice-prefeito Marcos Rotta (Progressista). 

 Bastidores da política apontam que Rotta e Braga possuem uma boa relação e o fato do vice-prefeito ser do Progressista, favoreceria a imagem do pré-candidato ao Governo.

Questionado sobre o assunto, Rotta disse que tudo pode acontecer. “Pelo histórico das eleições no Amazonas, nesse processo de afunilamento das composições, tudo pode acontecer, até mesmo nada”, afirmou o vice-prefeito em tom enigmático.

Vale ressaltar que no último sábado (30), o ex-senador João Pedro Gonçalves (PT) foi indicado para ser vice de Braga durante a convenção da ‘Federação Brasil da Esperança’, do  do PT, PV e PC do B, realizada no Sindicato dos Metalúrgicos, em Manaus. Mesmo assim, o rumo da chapa aparenta não estar definido. 

“O meu nome saiu na convenção do PT no sábado e o nome que foi aprovado em todas as correntes internas do PT foi o meu. Agora o PT está na Federação junto com PV e PCdoB que também indicou alguns nomes. Isso foi encaminhado para o Eduardo Braga pra ele decidir qual o melhor nome que ele considera. A última palavra é dele. Estamos conversando e articulando pra fazer valer a vontade do PT. Eu penso que o vice do Eduardo tem que sair pela esquerda do bloco da Federação eu defendo isso. O meu nome está colocado e eu me apresento com a minha história e militância no Partido dos Trabalhadores e vamos ver se a gente emplaca. A convenção do MDB é na sexta-feira e até lá o Eduardo vai decidir. Estamos na expectativa que o nome seja do PT, o meu nome”, disse o ex-senador.  

Solicitação de contato

Preencha os dados abaixo e em breve um de nossos consultores irá entrar em contato com você oferecendo as melhores oportunidades para anunciar sua marca conosco.