Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Manaus realiza Dia D de combate à dengue, zika e Chikungunya

Agente vistoriando residência atrás de focos de dengue em Manaus (AM) — Foto: Semsa

Manaus se mobiliza contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor de doenças como dengue, zika e chikungunya. Nesta segunda-feira (11), a Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa) promoverá o Dia D de mobilização, com o objetivo de conscientizar a população e envolver outros setores da sociedade nas ações de prevenção.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, a capital do Amazonas registrou 2.490 casos de dengue, 48 de zika e 43 casos notificados de chikungunya apenas este ano, até novembro.

A programação do Dia D acontecerá na quadra poliesportiva do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Professor Diedres Gama Machado, localizado no bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus. Em parceria com a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas e o Instituto Leônidas & Maria Deane, o evento contará com exposições em estandes, onde serão apresentadas informações sobre as ações de controle do Aedes, além do resultado do 2º Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) do ano de 2023 e material de Educação em Saúde.

A mobilização terá início com uma carreata, a partir das 7h30, no Complexo de Saúde Oeste, localizado no bairro da Paz. A carreata percorrerá os bairros da Redenção, Alvorada, Compensa e finalizará no bairro Lírio do Vale.

Segundo Alciles Comape, chefe da Divisão de Controle de Doenças Transmitidas por Vetores da Semsa, é essencial a participação da população na eliminação dos criadouros do Aedes. “A maioria dos criadouros é encontrada dentro dos domicílios, em locais como vasos, frascos com água, pratos, pingadeiras e bebedouros. Portanto, a contribuição da população na eliminação desses depósitos é essencial para o sucesso das ações de prevenção das doenças”, reforçou Alciles.

O Dia D de mobilização contra o Aedes aegypti em Manaus busca alertar a população sobre a importância do combate ao mosquito e envolver a sociedade no enfrentamento dessas doenças. A participação de todos é fundamental para garantirmos um ambiente mais saudável e livre dessas enfermidades.

Fonte: https://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2023/12/07/dia-d-de-combate-contra-dengue-zika-e-chikungunya-acontece-em-manaus-na-segunda-11.ghtml