Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Menina confessa ter cometido homicídio de criança de 5 anos após ser insultada com termo discriminatório

Foto: divulgação

No interior de São Paulo, na cidade de Marília, um trágico evento ocorreu nas primeiras horas de segunda-feira (12), quando um garoto de apenas 5 anos foi tragicamente encontrado sem vida, com evidentes marcas de violência. O garoto identificado como Lorenzo Nunes havia desaparecido por algumas horas, após sair para um momento de diversão e não retornou para o lar, deixando sua família desesperada.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), um triste fato foi revelado: uma menina de 14 anos é considerada suspeita do crime horrendo e foi detida em flagrante. Não só ela, a SSP informou que existe a possibilidade de outro indivíduo estar envolvido na ação, o que está sendo intensivamente investigado.

A família do pequeno Lorenzo, em estado de extremo desespero e angústia, registrou um boletim de ocorrência no domingo (11), alertando sobre o desaparecimento do menino.

Em um depoimento chocante para a polícia, a adolescente detida confessou sua participação no crime cruel e detalhou a motivação trágica. A vítima, segundo ela, a havia ofendido com um termo pejorativo – “sapatão”.

A autoridade conduziu a jovem para a Fundação Centro de Atendimento Socioeducativo ao Adolescente (Casa), seguindo as diretrizes de procedimento para casos envolvendo menores de idade.

Lorenzo era aluno da Escola Municipal de Educação Infantil ‘Amor Perfeito’, situada no distrito de Lácio, onde o menino residia com sua família. Este triste evento reverbera na comunidade escolar e no bairro, deixando todos consternados e aflitos com a brutalidade que tirou a vida de uma criança inocente do seio de seus entes queridos.

Fonte: https://cm7brasil.com/noticias/brasil/menina-diz-que-mat0u-crianca-de-5-anos-por-ter-sido-chamada-de-sapatao/