" >Mulher morre após ser baleada em comunidade de Manaus e filha é suspeita de disparar tiro acidental – Acorda manaus
Connect with us

Manaus

Mulher morre após ser baleada em comunidade de Manaus e filha é suspeita de disparar tiro acidental

Published

on

Marido da vítima alegou que crime aconteceu durante momento de “bebedeira” da família. Filha teria tentado passar espingarda ao pai quando efetuou disparo.

Uma mulher de 46 anos morreu, na madrugada desta segunda-feira (14), após ser baleada com um tiro na cabeça, na Comunidade Tarumã-Mirim, em Manaus. A filha da vítima, de 22 anos, foi detida suspeita de cometer o crime. O pai da jovem e marido da vítima alegou que o tiro foi acidental.

De acordo com o Centro Integrado de Operações e Segurança (Ciops), o crime aconteceu por volta das 1h40 na Comunidade Agrovila, próximo à praia da Lua. Inicialmente, o marido da vítima ligou para a polícia e informou que a esposa morreu após um tiro acidental na região da cabeça.

Para a imprensa, o marido da vítima alegou que o crime aconteceu durante um momento de “bebedeira” da família. De acordo com ele, no momento em que a filha tentava passar a arma para o pai, acabou atingindo a mãe com um tiro acidental.

No início da manhã desta segunda-feira (14), uma equipe da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) foi até o local e constatou o caso. A mulher foi morta com um tiro de espingarda calibre 12 na cabeça.

Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu enquanto a família consumia bebida alcoólica. O marido da vítima e filha, de 22 anos, foram levados para a DEHS para prestarem depoimento, na manhã desta segunda.

Para a polícia, o marido da vítima e pai da suspeita, de 51 anos, contou que pediu a arma da filha. Ele alega que o tiro foi acidental.

“Eu pedi para ela [suspeita] pegar minha arma que estava embaixo da cama, para eu ir caçar. Como a casa é baixa, a arma é pesada, ela não é acostumada a manusear, quando foi para me entregar, a arma disparou e foi imediatamente em mim e na mãe dela. Pegou pólvora em mim, mas o chumbo todo na mãe dela”, disse.

No local, no momento do crime, além dos pais e a filha, também estava outro amigo da família, que presenciou o caso. O agricultor informou que a filha está desesperada. O delegado plantonista do 19° DIP, que foi até o local do crime, Denis Pinho, informou que tentou localizar o homem que estava bebendo com a família.

“Eu tentei procurar, mas não encontrei. Fui nessa comunidade Agrovilla, mas ele tinha saído para buscar uma malhadeira”, explicou.

A delegada Marília Campelo, adjunta da DEHS, informou que a suspeita foi presa em flagrante e deve responder por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. No entanto, as investigações apontam para homicídio doloso. A mulher será encaminhada para audiência de custódia.

Amazonas

Lúcia Almeida; amor eterno que fortaleceu David na hora da guerra

Published

on

Manaus (AM) – Após um ano do falecimento de Lúcia Almeida, diversas homenagens são feitas nas redes sociais, onde relatam o quanto ela foi guerreira na luta contra o câncer.

Lúcia faleceu aos 41 anos, vítima de um câncer no fígado, que enfrentava desde 2017.

Lúcia sempre foi admirada pela elegância, carisma e inteligência. Inclusive era bacharel em Direito e também formada em Biblioteconomia.

Lúcia viveu momentos incríveis ao lado de David Almeida, que com certeza lembra da amada com o coração cheio de saudades.

David Almeida e Lúcia foram casados por quatro anos. Sendo ambos religiosos, o político sempre usava um versículo da Bíblia para expressar o amor à esposa.

“ O amor é paciente, o amor é bondoso. Não inveja, não se vangloria, não se orgulha”. 1 Coríntios 13:4-7.

A falta de Lúcia nos momentos da campanha para prefeito este ano foi grande, mas quando pensava que iria fraquejar, David vestia a camisa com a imagem da esposa e ficava mais forte. As lembranças da luta da esposa contra o câncer,  fortalecia esses momentos de guerra.

Lúcia seria uma primeira-dama elegante, dócil e forte. Infelizmente o câncer venceu esta luta.

Todas a mulheres que passam por esta doença se espelharam na coragem de Lúcia e se tornou um exemplo de fé e amor.

Continue Reading

Amazonas

PGR não tem planos de afastamento a nenhum governador, divulga VEJA

Published

on

Politica/Am – A conceituada coluna Radar da revista VEJA assinada por Robson Bonin, desvendou o que chamamos de alivio e certeza para governadores de alguns estados que estavam sofrendo com fake news de uma suposta interferência de afastamento em seus mandatos por parte da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Segundo a coluna Radar, o procurador geral da República, Augusto Aras, revelou a interlocutores que não há, nos planos da PGR, novos pedidos de afastamento de governadores. Ação essa por parte da PGR que, na prática, ficou restrito até o momento ao então governador do estado do Rio de Janeiro Wilson Witzel.

Aliviado ou não, o Governador do Estado do Amazonas Wilson Lima segue acompanhando o Day After, ou Dia Seguinte, do “golpe” como assim está sendo chamado por remanescentes de sua bancada na ALEAM.

Final de semana de muitas emoções, dentro e fora da “Casinha”.

Continue Reading

Manaus

Chuva alaga estacionamentos e carros ficam submersos no Centro de Manaus

Published

on

Bombeiros fazem escoamento da água para retirada dos veículos.

Um estacionamento na avenida Joaquim Sarmento, no Centro de Manaus, ficou alagado e 12 carros ficaram submersos depois da forte chuva que atingiu Manaus na tarde desta segunda (30). Outros cinco estabelecimentos também ficaram parcialmente alagados na área central da cidade.

Três viaturas do Corpo de Bombeiros foram acionadas. A corporação informou que utiliza um equipamento para fazer o escoamento da água. Assim que o nível de água for reduzido o suficiente, um guincho irá tirar os veículos do local.

Segundo o proprietário do estacionamento, Leandro Simões, que trabalha há mais de 7 anos no ramo, uma situação como essa nunca aconteceu.

Outros cinco estabelecimentos também ficaram parcialmente alagados na área central da cidade.  — Foto: Rebeca Beatriz/G1 AM

“Assim que eu vi, acionei os bombeiros e a Defesa Civil. Comuniquei os donos dos veículos e agora estamos acompanhando o trabalho”, disse.

O lojista Marcelo Freitas deixou dois carros estacionados no local, antes da chuva. Os dois veículos ficaram presos na alagação. Ele contou ao G1 que jamais imaginou uma situação dessas.

“Vim trabalhar e deixei meu carro aqui. Pouco depois me ligaram informando da situação. Já estou aqui há duas horas, pelo menos. Nunca imaginei passar por uma duração assim”, comentou.

Além do Corpo de Bombeiros, o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu) também foi acionado. O transitou ficou mais lento na avenida e veículos têm dificuldade para trafegar.

A Defesa Civil de Manaus informou que está em monitoramento às possíveis ocorrências ocasionadas pela chuva.

Na Rua Joaquim Sarmento, Centro, um estacionamento ficou alagamento e carros estacionados ficaram submersos. — Foto: Rebeca Beatriz/G1 AM

Continue Reading

Mais lidas