Connect with us

Polícia

PIB do Amazonas apresentou o quinto maior crescimento do país

Published

on

Apesar da crise, o PIB do Amazonas apresentou o quinto maior crescimento do país em 2017, em dado consolidado mais recente, totalizando R$ 93,204 bilhões. A alta foi de 5,21%, bem superior à média nacional do período (+1%), mas o Estado se manteve na 16º colocação no ranking nacional, com uma participação de 1,42%. O PIB per capta subiu de R$ 7.353,15 para R$ 22.936,28 em uma década, embora tenha caído da nona para a 14ª posição.

Os maiores incrementos de PIB no período foram registrados em Mato Grosso (+12,1%), Piauí (7,7%), Rondônia (+5,4%) e Maranhão (+5,3%). Os únicos resultados negativos vieram de Rio de Janeiro (-1,6%), Sergipe (-1,1%) e Paraíba (-0,1%). Os dados foram divulgados pela Sedecti (Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação), em parceria com o IBGE. A defasagem de dois anos ocorre em virtude da consolidação das estatísticas em todas as unidades federativas do Brasil.

A expansão do PIB amazonense foi puxada por impostos, líquidos de subsídios (+12,27%) e os setores de serviços (+7,21%) – que inclui o comércio varejista e foi puxado pelo consumo das famílias – e indústria. Tributos registraram R$ 14,743 bilhões (2017), contra R$ 13,131 bilhões (2016), alta de 12,27%. A arrecadação de ICMS (+26,92%) no mesmo intervalo, sendo que os maiores contribuintes vieram, na ordem, do comércio (34,46%), da indústria (24,39%) e dos serviços (6,82%).

Serviços (+7,21% e R$ 46,830 bilhões), que responde por 50,24% do PIB estadual, foi o único entre os três grupos de atividades que elevou sua fatia de participação na economia amazonense, de 57,5% (2016) para 59,7% (2017). Os destaques vieram de comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas (+7,5%) – após queda de 10,3% no ano anterior –, além de atividades profissionais, científicas e técnicas, administrativas e serviços complementares. 

A indústria (+7,5%) também ajudou, embora sua participação na economia estadual tenha caído de 34,7% (2016) para 33,2% (2017). A queda relativa veio da indústria de transformação, pela perda de participação do refino de petróleo e coque, da fabricação de resinas e elastômeros, e da impressão e reprodução de gravações. Em volume, a alta de 11,2% das Indústrias de transformação foi puxada por informática e eletrônicos, bem como material plástico. A indústria extrativa recuou 11,6%.

Já a agropecuária (-3%) trilhou sentido inverso e reduziu sua fatia de 7,7% para 7,1% no valor adicionado bruto do Estado. Com R$ 5,604 bilhões totalizados em 2017, a atividade foi impactada pela produção florestal, pesca e aquicultura. A queda (-9,5%) veio da extração de açaí e de madeira em tora. A pecuária (-2,6%) caiu pela menor criação de bovinos. A agricultura (-0,6%) foi marcada por altas na produção da mandioca e açaí (plantado) e quedas nas culturas de laranja, abacaxi e melancia. 

Na análise do supervisor de disseminação de informações do IBGE-AM, Adjalma Nogueira Jaques, se não fosse pelo “fraco desempenho” da agropecuária em extração vegetal e pecuária, além de algumas atividades da indústria, os resultados do Amazonas teriam sido bem melhores, gerando possibilidades de o Estado subir posições e aumentar sua participação no PIB nacional.

“No entanto, o crescimento total do PIB foi extremamente positivo, principalmente em ano de recessão, como foi 2017. É importante olhar para as atividades econômicas do Estado e ver quais são os gargalos e os potenciais. Em 2017, perdemos em algumas atividades que dependiam somente do nosso próprio desempenho, como a extração vegetal”, apontou.

Tendência positiva

Segundo a Sedecti, a perspectiva para 2018 e 2019 é de apuração positiva para todos os setores. “De acordo com o Banco Central, o índice de atividade econômica do Amazonas, que incorpora estimativas de crescimento para os setores agropecuário, industrial e de serviços, acrescidas dos impostos sobre produtos, prevê um aumento em 2018 de 3,59% na economia amazonense e em 2019 de 3,39%”, salientou o órgão, em texto divulgado à imprensa.

Para o titular da Sedecti, Jório Veiga, os resultados do Amazonas são animadores, principalmente quando se leva em conta os efeitos da crise sobre a economia, e a tendência é positiva para o PIB, no médio prazo. “Nossa expectativa é que haja um desempenho melhor ainda nos próximos anos, quando os projetos que estão sendo articulados pelo governo para expandir a atividade econômica para o interior e as ações para o fortalecimento do Polo Industrial de Manaus venham a se materializar”, concluiu. Fonte do Comércio

Polícia

Líderes do CV e da FDN são presos em condomínios de luxo

Published

on

Manaus – Na manhã desta quarta-feira (15), a polícia militar prendeu em apartamentos de luxo do bairro Ponta Negra, Alexsandro Campos da Costa, vulgo “Coroa”, um dos líderes da facção Comando Vermelho (CV), e Francisco Gleisson Jucá da Rocha, vulgo “plenitude”, pistoleiro oficial da facção Família do Norte (FDN), durante a operação “Domínio da Lei”, que cumpre mandatos de prisão e busca e apreensão em diversos bairros da cidade.

A operação “Domínio da Lei”, deflagrada nesta quarta-feira, cumpre 160 mandatos de busca e apreensão em diversos bairros da cidade, incluindo a invasão Monte Horebe, localizada na Zona Norte.

Operação “Domínio da Lei”

Na manhã desta quarta-feira (15), a A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) deflagra a Operação “Domínio da Lei”, que irá cumprir mandados de prisão, busca e apreensão em bairros da Zona Norte de Manaus. Mais de 500 policiais civis e militares estão nas ruas da cidade desde as primeiras horas da manhã, para cumprir os mandatos de crimes associados ao tráfico de drogas.

São 38 alvos em diversos bairros da capital com mandados de prisão a serem cumpridos, e mais de 160 mandados de busca e apreensão na invasão Monte Horebe, localizada na Zona Norte da cidade. As investigações vêm acontecendo há cerca de três meses.

https://portalcm7.com/noticias/policia/ssp-am-deflagra-operacao-dominio-da-lei-contra-trafico-de-drogas-na-zona-norte

Fonte: Portal CM7

 

Continue Reading

Polícia

Polícia prende homem de 23 anos que comandava arrastões na Cidade de Deus

Published

on

Manaus – Na noite da última terça-feira (14), um homem de 23 anos que não sua identidade divulgada, foi preso por policiais militares, suspeito de estar cometendo diversos assaltos nas proximidades da rua Francisca Mendes, bairro Cidade de Deus, Zona Norte da Cidade.

As equipes realizaram a abordagem a um homem em atitude suspeita, e com ele foi encontrado um revólver calibre 32, com duas munições, sendo uma deflagrada e outra intacta. Também foram apreendidos dois aparelhos celulares que haviam sido roubados. Logo em seguida, as vítimas do roubo chegaram ao local e reconheceram o suspeito.

Foi dada voz de prisão ao envolvido, que foi conduzido para o 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi autuado em flagrante pelo crime.

Fonte: Portal CM7

Continue Reading

Polícia

Homem é morto a tiros no Bairro da Colônia Terra Nova

Published

on

Manaus – Um homem ainda não identificado foi morto a tiros, na tarde deste domingo, no bairro da Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus. Segundo informações de vizinho a vítima tinha envolvimento com o tráfico de drogas. O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal.

A Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros vai investigar o crime.

Fonte: Portal CM7

Continue Reading

Mais lidas