Connect with us

Amazonas

Prefeitura começa a vacinar idosos de 65 a 69 anos nas comunidades rurais e rodoviárias

Publicado

em

Idosos de 65 a 69 anos residentes nas comunidades terrestres e ribeirinhas da área de abrangência da Prefeitura de Manaus começaram a ser vacinados contra a Covid-19 nesta segunda-feira(08). Para isso, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) está trabalhando em parceria com o Exército e a Marinha, que ficaram responsáveis pelos deslocamentos das equipes de vacinação. A meta é vacinar 90% dos 1.798 idosos de 65 a 69 anos que moram nessas localidades. A ação deverá se estender até o dia 16 de março.

Ao todo, dez equipes de vacinadores e registradores farão visitas domiciliares aos idosos já cadastrados e conhecidos pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) que atuam diariamente nessas comunidades.

“Essa é uma campanha de vacinação diferente de todas as outras que já fizemos. Como estamos recebendo as doses de forma gradual, o prefeito David Almeida nos orientou a buscarmos alternativas que nos permitam alcançar esse público o mais rápido possível. Com essa parceria, a logística e segurança para vacinarmos as pessoas que moram em lugares distantes de nossa cidade e que são da abrangência do município são garantidas pelos militares da Marinha e do Exército”, explicou a secretária municipal de Saúde interina, Aline Rosa Martins.

A Semsa tem, na dimensão territorial de Manaus, na abrangência do Distrito de Saúde Rural, quatro comunidades na Rodovia BR 174 (Pau Rosa e Cooperativa no Km 21, Conselheira Ada Viana, no Km 41, e Nossa Senhora Auxiliadora, no Km 15); pela rodovia AM-010, são duas as comunidades (São Pedro, no Km 35, e Efigênio Sales, no Km 41).

Na área fluvial, pela calha do rio Negro, são cinco as comunidades na margem esquerda (Apuaú, distante da sede da cidade 100 km em linha reta; Mipindiaú, 80 km em linha reta; Cuieiras, 70 km em linha reta; Santa Maria, 60 km em linha reta; e Costa do Arara, 50 km em linha reta). Na margem esquerda da calha do rio Amazonas, a Semsa é responsável por seis comunidades (Lago do Arumã, a 100 km em linha reta da cidade; Nossa Senhora do Carmo, a 80 km em linha reta; Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, 70 km em linha reta; Bonsucesso, 60 km em linha reta; Guajará, 40 km em linha reta; e Jatuarana, distante aproximadamente 41 km em linha reta).

Na calha dos rios Negro e Tarumã, são três comunidades, também pela margem esquerda: Nossa Senhora de Fátima, com aproximadamente 15 km de distância de Manaus, em linha reta; Nossa Senhora do Livramento, 15 km em linha reta; Nossa Senhora Auxiliadora, na margem esquerda do rio Tarumã-Açu, com distância aproximada da cidade de 50 km em linha reta.

Enquanto durar a operação, todos os dias, a Casa Militar da Prefeitura de Manaus irá realizar o translado das duas equipes de vacinação do Rio Amazonas até o Puraquequara, no porto da feira popular, onde embarcarão em lanchas da Marinha.

O Comando Militar da Amazônia (CMA) ficou responsável pelo transporte das duas equipes de vacinação que visitarão as comunidades do Rio Negro, inclusive as três equipes das comunidades de Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora do Livramento e Nossa Senhora Auxiliadora até a marina do David, na Ponta Negra, para embarque nas lanchas da Marinha. O CMA também fará o transporte e o acompanhamento das seis equipes de vacinação nas comunidades localizadas nas rodovias BR-174 e AM-010.

Para as comunidades mais distantes, o Comando Naval da Amazônia Ocidental está realizando o transporte e o acompanhamento da vacinação nas calhas dos Rios Amazonas e Negro, sendo duas embarcações para cada calha. Os navios saíram na manhã desta segunda-feira e só devem retornar a Manaus na sexta-feira(12), à noite.

Fonte: D24am. Leia mais em https://d24am.com/amazonas/prefeitura-de-manaus-comeca-a-vacinar-idosos-de-65-a-69-anos-nas-comunidades-rurais-e-rodoviarias/

Amazonas

Filho se recusa a cortar o cabelo e mata o pai após discussão em Manaus

Publicado

em

Um jovem de 18 anos foi preso em Manaus, nesta terça-feira (13), suspeito de matar o pai, um vendedor ambulante de 38 anos. Segundo a polícia, o crime ocorreu depois que o filho se recusou a cortar o cabelo para se apresentar no Exército.

O pai foi atingido por três facadas após uma discussão com o suspeito na casa da família. A vítima ainda foi socorrida e levada por parentes até o Hospital 28 de Agosto, mas não resistiu.

O filho foi preso em flagrante, pouco depois do assassinato, e levado para a sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Segundo o delegado Daniel Vezzani, responsável pelo caso, o jovem disse que não estava sob efeito de drogas.

“O filho alega que realmente haviam ocorrido outros desentendimentos, mas de pequena proporção, mas dessa vez, o autor disse que o ‘balde transbordou’ e ele se arrependeu do que praticou”, disse o delegado.

“O filho alega que o pai era muito exigente, cobrava muito do filho, e nessa exigência, resultou nesse crime. Um gesto impensado, segundo o depoimento. Ele cometeu esse crime de homicídio qualificado por motivo fútil, que é aquele banal, insignificante por causa de um corpo de cabelo”, finaliza.

O suspeito está custodiado na DEHS e será encaminhado para audiência de custódia ainda nesta terça-feira (13).

Leia Mais

Amazonas

Corpo de homem é encontrado boiando em igarapé no Educandos; cenas fortíssimas

Publicado

em

 

Manaus – Um homem até o momento não identificado, foi encontrado boiando na tarde desta segunda-feira (12), nas proximidades da ponte da ponte na Avenida Lourenço da Silva, no bairro do Educandos, na Zona Sul de Manaus.

CENAS FORTES:

 

 

Segundo informações, pedestres avistaram um corpo e acionaram a polícia, que informou ao Instituto Médico Legal (IML), para fazer a remoção.

Segundo a perícia criminal, o homem tinha perfurações no pescoço e nas costas. A polícia investiga o crime.

FONTE: CM7

Leia Mais

Amazonas

Emenda de Alessandra vai reforçar a educação de crianças da Zona Norte

Publicado

em

A deputada estadual licenciada Alessandra Campêlo (MDB) inaugurou, nesta segunda-feira (12), o projeto Reforço Jovem Manaus, que vai oferecer aulas de reforço a 160 alunos das redes municipal e estadual de ensino da Zona Norte da capital de forma gratuita. O projeto é executado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc), e viabilizado por meio de emenda parlamentar de autoria de Alessandra no valor de R$ 200 mil.

As aulas acontecerão na sede do Instituto Jovens do Futuro, localizado no bairro Santa Etelvina, e serão direcionadas a estudantes do 4º, 5º e 6º ano do Ensino Fundamental do bairro e adjacências.

De acordo com a diretora do instituto, Hellen Andrade, as aulas terão duração de 12 meses e irão trabalhar com foco na melhoria da aprendizagem desses alunos.

“O projeto vai identificar dificuldades e trabalhar em cima delas para que os estudantes aprendam melhor. Para isso, temos uma equipe multidisciplinar preparada para atendê-los. Estou feliz em finalmente darmos início a esse projeto. A deputada é nossa parceira desde 2019 e não hesita em escutar e atender nossas demandas, seja na capital, seja em Manacapuru e Iranduba, onde também executamos esse projeto”, disse.

A atual secretária de Assistência Social, Alessandra Campêlo, destacou o papel do projeto para a melhoria da aprendizagem.

“Dessa forma, estamos chegando até as dificuldades desses alunos e trabalhando com uma equipe extremamente capacitada para que todas essas dificuldades sejam sanadas, além de uma sala equipada e confortável para eles. A educação também é uma bandeira que carrego em meu mandato e me alegro em ver que emendas minhas vão beneficiar esses estudantes”, afirmou.

FONTE: CM7

Leia Mais

Mais lidas