Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Record TV demite 200 funcionários para “reorganização da empresa”

Brasil – A emissora de televisão Record TV, pertencente ao Grupo Record liderado pelo bispo Edir Macedo, enfrentou um momento difícil na última segunda-feira (17), quando anunciou a demissão de 200 profissionais de um total de 3.000 colaboradores. A notícia foi divulgada pelo portal Notícias da TV e trouxe à tona um período de reestruturação e reformulação nos investimentos do grupo. Patrícia Costa, ex-apresentadora do Domingo Espetacular, e o repórter Sylvestre Serrano foram os primeiros a deixar a emissora. Em publicação no Instagram, Costa confirmou sua demissão e disse que depois de 16 anos, estava deixando a empresa. Ela estava à frente de uma das edições do Jornal da Record 24H e dos programas de sábado do Fala Brasil. “Tive o privilégio de trabalhar com muita gente competente e fazer amigos. Cresci como pessoa e profissional. Nunca tive um Feedback negativo sobre meu trabalho, nem hoje”, afirma a ex-apresentadora na publicação. Em nota, a emissora se pronunciou à imprensa sobre a demissão em massa, dizendo que “todo o mercado de mídia, da televisão aberta e dos demais veículos passa por um período de reformulação de seus investimentos” e que os cortes fazem parte de uma “reorganização em suas frentes de trabalho”. Segundo a emissora, os desligamentos foram necessários, mas feitos com respeito ao ser humano e às regras trabalhistas. E acrescenta que “o Grupo Record continuará trabalhando sem descanso para conquistar novos investimentos em seus negócios”.

Fonte: Portal Cm7