" >Saiba quais serão as alterações no trânsito no entorno dos cemitério no Dia de Finados – Acorda manaus
Connect with us

Sociedade

Saiba quais serão as alterações no trânsito no entorno dos cemitério no Dia de Finados

Published

on

Manaus – O monitoramento das vias de trânsito da Prefeitura de Manaus, a partir da 0h deste sábado, (2) Com essa operação, o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) vai facilitar o acesso dos visitantes aos cemitérios e garantir a fluidez do tráfego.

Nas áreas interditadas haverá orientação para desvios e opções de itinerário. Nos cemitérios mais afastados, os agentes de trânsito farão o monitoramento com o apoio de viaturas e motocicletas. Veja como fica o trânsito nos principais cemitérios:

São João Batista – A rua Maceió, zona Centro-Sul, será interditada a 0h de sábado, no trecho entre a rua Domingos Lima (atrás do Reservatório Mocó) e a avenida Álvaro Maia. O fluxo será desviado à direita para a rua Domingos Lima e, posteriormente, à esquerda para a rua Santos Dumont, em direção à avenida Álvaro Maia. No sentido Centro/bairro, a Maceió será interditada somente no horário da missa (18h) no trecho entre a avenida Álvaro Maia e a rua Domingos Lima.

A avenida Álvaro Maia será também interditada, a 0 h de sábado no sentido Praça 14/Compensa, no trecho entre as ruas Maceió e Santos Dumont. O desvio será à esquerda para a rua Major Gabriel, permanecendo a direita livre para a rua Maceió, até o horário da missa, às 18h.

Santa Helena – O fluxo de veículos nos corredores próximos ao Cemitério Santa Helena, no bairro de São Raimundo, zona Oeste, terá as seguintes alterações: a rua São Sebastião será interditada a partir das 5h de sábado, no trecho entre as ruas São Vicente e Jerônimo Ribeiro, atrás do cemitério.

Nossa Senhora de Aparecida (Tarumã) – A avenida do Turismo, zona Oeste, não será interditada no Dia de Finados. Apenas os retornos no canteiro central em frente ao cemitério serão fechados. O acesso ao cemitério será realizado pelo primeiro portão e a saída pelo portão da frente (principal). Nas proximidades do cemitério não será permitido o estacionamento.

São Francisco – No Cemitério de São Francisco, bairro do Morro da Liberdade, zona Sul, a rua Cel. Pedro de Souza será interditada a partir das 5h da manhã de sábado, entre as ruas São Benedito e Brasília.

Santo Alberto – Situado na Colônia Antônio Aleixo. Interdição apenas da rua Monteiro Maia, na frente do cemitério, no horário das 6 às 18 horas.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Manaus

Atletas de rugby morrem afogados em naufrágio de barco no Amazonas

Published

on

Dupla participava de lual e retornava ao hotel quando acidente aconteceu no Rio Negro, na comunidade São Thomé.

Dois atletas de rugby morreram afogados após o barco em que estavam naufragar no Rio Negro, na Comunidade São Thomé, em Iranduba (AM), na madrugada deste sábado (21). Os corpos das vítimas foram encontrados em um local com quatro metros de profundidade.

Segundo os bombeiros, Pedro Augusto Gonçalves Coutinho, de 28 anos, e Roberto Flavian da Silva Cardoso, de 40 anos, participaram de um lual e retornavam ao hotel em que estavam hospedados quando ocorreu o acidente.

Conforme informações do comandante do Pelotão Fluvial, tenente Barbosa Amorim, o evento na praia era uma recepção para os participantes da Taça Baré de Rugby, que acontece anualmente. Ao todo, 86 atletas de vários estados estavam no local para a competição.

A dupla foi até o luau, mas decidiu retornar para o hotel. Além dos dois, o piloto também estava na embarcação. Um dos rapazes vivia em São Paulo e o outro, em Manaus.

Roberto Flavian da Silva Cardoso, 40 anos  — Foto: Arquivo pessoal
Pedro Augusto Gonçalves Coutinho, tinha 28 anos  — Foto: Arquivo pessoal

Continue Reading

Brasil

Manaus tem ato em frente a Carrefour após morte de cidadão negro em Porto Alegre

Published

on

Manifestantes relembraram casos de racismo no Amazonas e também de violência contra indígenas.

Um grupo de manifestantes do movimento negro fez uma manifestação em frente ao Carrefour do bairro Adrianópolis, em Manaus, na tarde deste sábado (21), contra a morte do soldador João Alberto Freitas, em Porto Alegre. Os manifestantes relembraram casos de racismo no Amazonas e também de violência contra indígenas.

O cidadão negro foi morto após ser agredido por dois seguranças brancos em uma unidade do supermercado Carrefour, na capital gaúcha. Segundo a polícia, a vítima teria feito um gesto para uma funcionária do mercado, o que a fez chamar a segurança do local.

A vítima foi agredida por cerca de 5 minutos pelos dois homens. O Samu foi acionado, mas ele morreu no local. Os dois homens foram presos em flagrante e devem responder por homicídio triplamente qualificado. O laudo inicial indica que o soldador, de 40 anos, foi morto por asfixia. O enterro da vítima reuniu amigos e parentes.

Cerca de 40 manifestantes participaram do ato. O grupo colocou cartazes na grade em frente ao supermercado e está reunido na calçada, sem atrapalhar o trânsito.

Grupo faz manifestações em Manaus — Foto: Leandro Guedes/ Rede Amazônica

Continue Reading

Manaus

Morre aos 74 anos médico e ex-deputado Luiz Fernando Nicolau em Manaus

Published

on

Causa da morte não foi divulgada.

O médico e ex-deputado Luiz Fernando Nicolau morreu nesta segunda-feira (16), aos 74 anos, em Manaus. A morte foi confirmada pela assessoria do Gupo Samel, do qual era fundador. A causa não foi divulgada.

Natural de Paraíba do Sul (RJ), Luiz Fernando Nicolau era neurocirurgia. Ele vivia em Manaus desde 1968, quando se mudou do Rio de Janeiro para o Amazonas para estudar Medicina na FUA, atual Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Além da carreira política, foi professor e secretário estadual de saúde.

Em setembro de 2016, Luiz Nicolau recebeu título de Cidadão Amazonense, concedido pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

Continue Reading

Mais lidas