Connect with us

Amazonas

Samel e Transire fazem balanço de 1,5 mil doações em Manaus e iniciam agenda no interior

Publicado

em

Ação conjunta já beneficiou 31 unidades de saúde do sistema público, incluindo todos os SPAs e maternidades da capital.

A parceria entre Grupo Samel e Instituto Transire já doou, em apenas uma semana, mais de 1,5 mil equipamentos hospitalares a 31 unidades públicas de saúde de Manaus com atendimento a pacientes de Covid-19. O balanço das ações realizadas pelas empresas no segundo pico de contágio da doença foi divulgado na noite desta sexta-feira, 29, em um vídeo publicado nas redes sociais.

O presidente do grupo hospitalar, Luís Alberto Nicolau, anunciou que a ação conjunta também chegará ao sistema público do interior do Amazonas. Além dos equipamentos entregues, a Samel distribuiu 180 cilindros de oxigênio à rede pública de saúde e reativou o serviço de chatbot para atendimentos médicos e triagem de casos de Covid-19 gratuitos à população.

Entre os 1,5 mil produtos doados pela Samel e Transire, estão 268 respiradores mecânicos não invasivos do tipo BiPAP, que reduzem o consumo de oxigênio; 385 máscaras faciais para Ventilação Não Invasiva (VNI); 640 filtros de barreira bacteriológica; macacões impermeáveis para profissionais de saúde; fluxômetros para gases medicinais e outros materiais hospitalares.

As 31 unidades de saúde beneficiadas incluem todos os Serviços de Pronto Atendimento (SPA) e todas as oito maternidades públicas de Manaus, as duas Unidades de Pronto Atendimento (UPA), prontos-socorros, hospitais e fundações, o recém-reaberto Hospital Nilton Lins, o Centro de Reabilitação pós-Covid da Prefeitura de Manaus e a Policlínica da Polícia Militar do Amazonas.

“Em suma, tentamos cobrir toda a capital nesta continuidade dos esforços da Samel para minorar os problemas de saúde”, ressaltou Luís Alberto, ao lado dos diretores Ricardo Nicolau e Hiram Nicolau. “Em todos esses lugares, nós também dividimos o know-how que nós acumulamos durante essas duas fases da pandemia que tanto tem assolado o nosso Estado.”

O vice-presidente da Transire, Clemilton Gomes, defendeu a união de mais entidades privadas no combate ao novo coronavírus. “A união é realmente necessária num momento desse tão difícil para a nossa cidade. Dois grandes grupos, um hospitalar e um industrial de pesquisas, se uniram para trazer algum alívio e fazer tudo isso chegar à população a tempo”, disse.

Ação nos municípios

A segunda etapa da ação conjunta entre Samel e Transire teve início no interior do Estado, também nesta sexta-feira, pelo município Itacoatiara (distante 176 km da capital). No sábado, dia 30, hospitais públicos de mais cidades amazonenses serão beneficiados, conforme anunciou Luís Alberto Nicolau.

“Como somos um grupo genuinamente amazonense e o grupo Transire, genuinamente brasileiro, começamos, a partir de hoje, a levar as mesmas tecnologias, os mesmos materiais para o interior do Amazonas. Esperamos que, com esse esforço, nós possamos superar a grave crise em que nos encontramos”, disse.

Chatbot reativado

O serviço de Chatbot desenvolvido pela Samel Health Tech e Instituto Transire e cedido para a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) foi reativado nesta semana. A plataforma oferece atendimento médico, psicológico (este apenas para profissionais de saúde do Estado), triagem e monitoramento de casos de Covid-19 gratuitamente à população pelo site chatbot.saude.am.gov.br.

“A Samel cedeu espaço na nuvem (para hospedagem de dados), prontuário eletrônico, 15 telefones celulares com chip, enfim, todo o processo de telemedicina e a infraestrutura para que o governo do Estado possa utilizar essa tecnologia tanto para casos de Covid quanto para o acompanhamento psicológico dos amazonenses”, destacou Luís Alberto Nicolau.

Amazonas

Festa de aniversário clandestina é encerrada pela polícia no Tarumã

Publicado

em

Uma festa de aniversário clandestina que ocorria no Ramal da Savana, localizado no bairro Tarumã, na zona oeste de Manaus, foi encerrada durante a “Operação pela Vida”, na noite de sábado (27). Cerca de 50 pessoas estavam no local, inclusive menores de idade. Também foram apreendidas várias bebidas alcoólicas e um carro.

A denúncia foi recebida por agentes do Núcleo Especializado de Operações de Trânsito (Neot) e por policiais militares do Comando de Policiamento de Área (CPA) centro-oeste. “Pedimos que uma viatura fizesse o reconhecimento antecipado. Chegamos no local e constatamos, realmente, essa aglomeração”, disse o tenente-coronel Augusto Cézar, que coordenou a operação.

Um participante da festa, aparentemente embriagado, se recusou a fazer o teste do etilômetro, além de apresentar uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) com categoria incompatível com o carro que conduzia. O veículo foi recolhido.

Agentes da Central Integrada de Fiscalização (CIF) também foram acionados para a ação. A Polícia Civil também esteve no local para realizar os procedimentos cabíveis. Uma mulher de 31 anos, proprietária do espaço, também será responsabilizada. “A responsável pela festa, bem como todos que foram encontrados aqui foram conduzidos para a Delegacia-Geral e responderão pelo crime de desobediência e infração, relacionado ao Art. 268 do Código Penal”, explicou a delegada Kelene Passos, que acompanhou o procedimento.

Todos os envolvidos foram detidos e conduzidos à central de flagrantes, que funciona na Delegacia-Geral da Polícia Civil. Eles assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e irão responder por descumprimento de medida sanitária e crime de desobediência. O crime é passível de multa estipulada por um juiz.

 

Leia Mais

Amazonas

Samel anuncia parceria com empresa norte-americana para criação de um centro de pesquisa para tratamento da COVID-19

Publicado

em

Na manhã desta segunda-feira, 01 de março de 2021, o presidente do Grupo Samel, Sr. Luis Alberto Nicolau, acompanhado do diretor técnico dos Hospitais Samel, Dr. Daniel Fonseca, anunciou, através de um vídeo, uma nova parceria entre a instituição e a empresa norte-americana Applied Biology para criação de um centro de pesquisa com foco na COVID-19.

 

Na ocasião, o presidente da Samel ressaltou a condução de ambas as empresas “no maior estudo privado de genética para o novo coronavírus por meio do uso do medicamento proxalutamida, que tem apontado resultados satisfatórios no tratamento de pacientes acometidos pela COVID-19, estudo este que está sendo realizado não somente na capital amazonense, como também em outras cidades do interior do Amazonas.”

De acordo com o diretor técnico da Samel, Dr. Daniel Fonseca, a parceria traz grandes benefícios, “como a vinda de médicos e pesquisadores nacionais e internacionais para a Samel para observância das novas formas de tratamento e combate ao novo coronavírus, que está sendo conduzida pelo Dr. Ricardo Zimerman, que avaliará a variante amazonense do vírus, e o uso da proxalutamida, que tem à frente os médicos Flávio Cadegiani e Andy Goren, medicamento este que está sendo utilizado nas unidades da Samel.”

Além disso, o Dr. Daniel Fonseca frisou a possibilidade de firmar novas parcerias entre a Samel e indústrias farmacêuticas para testagem das vacinas para comprovação da eficácia das vacinas que já estão disponíveis contra a variante amazonense do coronarívus.

Na última semana, a Samel anunciou, através de um vídeo publicado em suas redes sociais, o alcance de 588 pacientes que serão tratados com o uso da proxalutamida não somente em Manaus, como no interior, número este necessário para conclusão da pesquisa sobre o uso do medicamento no combate à COVID-19 no Amazonas.

 

 

https://www.einnews.com/pr_news/535995134/applied-biology-and-samel-to-inaugurate-the-first-covid-19-clinical-research-center-in-the-brazilian-amazon-state

Leia Mais

Amazonas

Trio invade casa e executa homem a tiros no Jorge Teixeira

Publicado

em

Dhulio Lira da Silva, 25, foi executado a tiros na madrugada deste sábado (27), em sua casa que ficava na Rua Jambu, bairro Jorge Teixeira, zona leste. Três homens foram ao local e dispararam várias vezes contra a vítima que morreu antes da chegada do socorro.

De acordo com a polícia militar, que atenderam a ocorrência, por volta das 04h, foram acionados para irem a Rua Jambu, que no local havia um homicídio. Em uma casa, os policiais encontraram um homem morto.

Os moradores da área informaram a polícia que três homens, que estavam em um veículo modelo Ka, de cor preta, foram ao local, invadiram a residência da vítima e efetuaram vários disparos. Dhulio morreu antes da chegada do socorro.

Agentes do Instituto Médico Legal (IML) foram ao local remover o corpo para levar para sede do órgão na zona norte para exame de necropsia. A delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.

Fonte: D24am

Leia Mais

Mais lidas