Connect with us

Polícia

Secretaria de Educação mantém alunos na escola Tiradentes

Publicado

em

Manaus – O processo de reordenamento da Escola Estadual Tiradentes, na zona sul de Manaus, segue sendo realizado pela Secretaria de Estado de Educação e Desporto. Além de disponibilizar 1,8 mil vagas para estudantes em escolas da área, estão sendo ofertadas 240 vagas para alunos dos 7º, 8º e 9º anos que quiserem permanecer na escola, que passa a ser de regime militar. Além disso, os alunos do turno noturno serão transferidos diretamente para a Escola Estadual Major Silva Coutinho, localizada no bairro Petrópolis.

A secretária executiva adjunta da capital, professora Arlete Mendonça, explicou que a secretaria está trabalhando com a permanência dos estudantes do Ensino Fundamental 2 na instituição, uma vez que é possível atender o público na nova formatação.

“Nós reestruturamos o planejamento viabilizando o atendimento para o Ensino Fundamental 2. Desta forma, serão disponibilizadas 240 vagas para atender turmas de 7º, 8º e 9º ano, em 2020, de alunos oriundos da Escola Estadual Tiradentes, por meio do sistema de rematrícula. Assim, possibilitamos a permanência dos estudantes na unidade, no novo modelo que passará a atender em 2020”, explicou Arlete.

Com a sobra de salas, foi possível manter estudantes dos 7º, 8º e 9º anos. Aqueles que não quiserem ficar sob a nova forma de gestão podem optar por outras escolas nas proximidades. Os responsáveis pelos estudantes estão sendo contactados para informar se os estudantes permanecerão na instituição ou mudarão para uma das 14 escolas que estão com vagas disponíveis.

O atendimento aos pais começa nesta terça-feira (07), conforme o calendário mais abaixo.

Os estudantes do Ensino Médio no turno noturno serão transferidos, preferencialmente, para a Escola Estadual Major Silva Coutinho, localizada a 900 metros da Escola Estadual Tiradentes, na rua Coronel Ferreira de Araújo, também no bairro no Petrópolis. No total, 150 alunos ocuparão as salas que antes estavam com baixa demanda.

Assim como os demais estudantes, aqueles que não quiserem ficar na unidade poderão optar por escolas dos bairros Petrópolis, Cachoeirinha, São Francisco, Japiim, Betânia e Crespo, que dispõem de 1.825 vagas no Ensino Fundamental 2.

Calendário de atendimento – A Escola Estadual Tiradentes começará a receber pais e/ou responsáveis de alunos regularmente matriculados na unidade, a partir desta terça-feira (07/01), para tratarem da matrícula dos estudantes para o ano letivo de 2020.

Na terça, deverão comparecer à escola os pais de alunos dos 6º e 7º anos e Avançar. No dia seguinte, quarta-feira (08/01), é a vez dos responsáveis de estudantes dos 8º e 9º anos e Avançar comparecerem à unidade de ensino. Na quinta-feira (09), o atendimento será voltado aos pais de alunos do Ensino Médio. Por fim, a sexta-feira (10/01) será reservada a todos os responsáveis que não puderam comparecer nas datas anteriores.

O horário de atendimento será sempre das 8h às 20h.

Reordenamento – O reordenamento é um procedimento de rotina da secretaria que visa a otimização do espaço público para garantir a melhoria do desenvolvimento das atividades educacionais, o acesso e a permanência dos estudantes em sala de aula.

A Escola Tiradentes, que atendia um público muito abaixo da sua capacidade, permanecerá com o mesmo nome e passará a atender cerca de 1,8 mil estudantes de Ensino Fundamental 1 que antes estavam alocados em um prédio alugado como anexo do Colégio Militar da Polícia Militar 1 (CMPM 1). Com as mudanças, a secretaria garante a economia de mais de R$ 1 milhão no aluguel anual de um imóvel.

Além de não haver imóvel adequado na região para atender à demanda, não era interessante para a Secretaria de Educação manter um novo aluguel havendo vagas e salas de aulas disponíveis na área. Em uma reunião com a comunidade escolar ocorrida em 23 de dezembro de 2019, foram explicadas as possibilidades e ajuste das necessidades. Com a mudança, a escola passa a adotar o regime militar em parceria com a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), que já atua no prédio anexo que será realocado.

Lotação – Quanto aos 110 profissionais do magistério que atuam na Escola Estadual Tiradentes, a Secretaria de Educação garantiu que os próprios profissionais indicassem a instituição de ensino em que desejam lecionar. A Coordenadoria Distrital de Educação 2 (CDE 2) está trabalhando no procedimento de lotação com o Departamento de Gestão de Pessoas (DGP) da secretaria. Todos os profissionais estão sendo atendidos conforme suas indicações e necessidades.

Confira abaixo o calendário de atendimento aos pais e/ou responsáveis dos alunos regularmente matriculados na Escola Estadual Tiradentes:

• Terça (07/01): pais de alunos dos 6º e 7º anos e Avançar

• Quarta (08/01): pais de alunos dos 8º e 9º anos e Avançar

• Quinta (09/01): pais de alunos do Ensino Médio

• Sexta (10/01): todos os pais e/ou responsáveis que não puderam comparecer nas datas anteriores

(*) Em todas as datas, o horário de atendimento é das 8h às 20h

Manaus

Homem é perseguido e morto a tiros em beco no bairro Compensa, em Manaus

Publicado

em

Um homem de 27 anos foi morto a tiros em um beco na rua Rui Barbosa, no bairro Compensa, Zona Oeste de Manaus, na madrugada deste sábado (21). Segundo a polícia, criminosos seguiram a vítima, cometeram o crime e fugiram.

De acordo com a 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), familiares do homem contaram que ele estava no local, quando os atiradores chegaram. A vítima tentou fugir, mas foi perseguida pelo grupo e baleada diversas vezes.

Ele morreu no local dos disparos. Os atiradores fugiram sem ser identificados.

Ainda segundo a 8ª Cicom, o homem que foi morto tinha passagens pela polícia pelo crime de tráfico de drogas.

O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.

Leia Mais

Amazonas

Homem é preso suspeito de participar de latrocínio em Anamã, no AM

Publicado

em

Um homem de 22 anos foi preso suspeito de participar de um latrocínio, roubo seguido de morte, no município de Anamã, no interior do Amazonas. Segundo a polícia, outros três suspeitos de participação no crime já tinham sido presos anteriormente.

De acordo com investigador do 81ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), de Anamã, Francisco Jaime Brito, o crime de latrocínio ocorreu no dia 14 de fevereiro deste ano, naquele município.

“Durante a 1ª fase da operação, chegamos à identidade de três suspeitos que foram presos no dia 28 de abril deste ano, em cumprimento a mandados de prisão preventiva em desfavor deles, pelo envolvimento na ação criminosa”, explicou o investigador.

As investigações sobre o crime seguiram e a polícia constatou a participação de um quarto envolvido no crime. Um mandado de prisão temporária foi solicitado à Justiça em nome dele.

“A ordem judicial foi expedida pela juíza Larissa Padilha Roriz Penna, da comarca de Anamã, e na tarde desta quinta, as equipes policiais da delegacia, efetuaram a prisão do indivíduo, em cumprimento a decisão judicial em desfavor dele”, disse Jaime Brito.

O suspeito irá responder pelo crime de latrocínio. Ele foi transferido para uma unidade prisional de Manaus, onde ficará à disposição da Justiça.

Leia Mais

Manaus

Em Manaus, 250 quilos de maconha são apreendidos dentro de carro

Publicado

em

Em Manaus, dois homens foram presos e 250 quilos de maconha apreendidos durante uma fiscalização em veículos na ponte Rio Negro.

A prisão aconteceu por volta das 19h, de segunda-feira (9).

De acordo com o Departamento de Repressão ao crime organizado (DRCO), da Polícia Civil, a operação aconteceu após denuncias anônimas, que informaram que os homens fariam o transporte do material de Manacapuru para Manaus. As drogas foram apreendidas em um veículo, modelo Jeep.

Os homens foram presos por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Leia Mais

Mais lidas